sexta-feira, 27 de março de 2009

Meu Relógio de Segundos



Eu tenho um relógio que só marca os segundos. Eu tenho um relógio que marca! Horas e minutos são sempre os mesmos: acordo ás oito, almoço ás doze, trabalho até ás dezessete, estudo até ás vinte e duas... Ciclo, chip, programa, não pise na grama, Gramática, regra, oras... Não me desperta do sono, desperta sensações: momentos, risadas, gargalhadas, reservados a átimos, orgasmos... O segundo é pouco pra tão muito, é o suficiente para o inesquecível.
Segundos não são lembrados na História, nas certidões, nos registros. O segundo não se precisa, o segundo é necessário... Não aparece no diário, não está em todo horário, tampouco faz aniversário, é movimento, é o tudo, o segundo não pára. Segundos são peculiares, subjetivos, escorregadios. Cada um com a sua marcação, concepção... E daí sua identidade, daí sua poesia. Experimente olhar o relógio ao lado, será que existe alguma sincronia?
Coadjuvantes que roubam a cena, na passagem de ano, quando os contamos de forma regressiva para esperar o progresso na desordem. Segundo frágil que não quer que se quebre, segundo ágil como o passo da lebre e o meu relógio preso na parede, solto no tempo, para que eu me perca tentando me achar.
Anterior ao beijo, ao salto, ao boom da bomba, ao gatilho, ao gol, à morte. Apreensão! Prende a gente em reflexão... Tem segundo que dura um filme, uma vida, outros duram uma fração, um piscar de olhos, a ínfima parte da visão. Um segundo pra perceber a finitude de um segundo, da vida. Um segundo pra se ver dentro dele, como se refletido numa fonte, sentir a beleza da existência a cada singelo instante.
Meu relógio é peça preciosa, é música pra marcar o tempo, é poeta que atua, pintor que compõe, ator que escreve com lápis sem ponta, mas com ponteiros, onde um barulhinho bom invade o silêncio. Tique-taque dó-re-mi... Um segundo pra disseminar, reverberar, musicalizar, tocar o coração alheio, pisar em solo sagrado. Tudo ao mesmo tempo agora. Quem souber, com um segundo, poderá fazer a hora.

61 comentários:

Renatta disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rosemeire Polegato disse...

Nunca tem sincronia, os segundos voam... Lindo!!!! :)

Gabriel Nunes disse...

Achei um texto muito extenso. às vezes o pouco é muito

Bruna disse...

bem sincronizado xD
gostei bastante..
mais admito q as vezes sou pessima com segundos e minutos..
nunca sei dizer ao certo ''fazem 5min q ele saiu'' se de fato fazem realmente ''10 segundos'' huashuas
mais gostei de verdade disso e do relogio
;**

Karla Marrocos disse...

devo dizer que invejei esse relogio!

Marcela Leitche disse...

eu ia me confundir horrores com esse relogio!
soh pra variar adorei o texto!

bjobjo

prefiro não comentar disse...

Eu não tenho relogio!!! :O
mas concordo quando tu diz que o segundo é o que vem antes do boom da bomba, na verdade ele vem antes de tudo, ou não?
bju.

Gabriel Nunes disse...

Sabe o que esse teu post me lembrou? Músicas do pink Floyd. Sério mesmo.

douglasfert disse...

Se começassemos a contar o tempo em minutos e segundos, não valoriariamos a vida mais do que esta besteira de se olhar apenas para as horas, dias, meses e anos?

Ano que vem vou me dedicar mais aos estudos.
Mês que vem eu paro de fumar.
Semana que vem começo um regime.
Daqui um hora eu estou aí.
Só tenho um minuto de crédito no meu celular...

Dizemos todas estas frases aos montes, durante toda a nossa vida. Pq não dizer também que seremos mais felizes, mais determinados, menos apegados a coisas pequenas e mais responsáveis no próximo segundo?
Afinal, ppdemos neste breve momento, os segundos, nos transformarmos em algo melhor.


Enfim... O que quero dizer aqui é que achei seu texto de extrema qualidade, com palavras que me agradam e têm uma mensagem que concordo plenamente!

Vulca*Girl disse...

Desprezados segundos... Tão minusculos... Há quem os julgue insignificantes, tão pouco, tão menos... Tão fracionados!
Viram frações, ainda menos consideradas!
Se tudo sai do zero, se todo primeiro passo é o 1... Sabe aquelas horas que você nunca esquece? Sim, elas são formadas de todos os segundos que você não vê, pois eles não precisam ser as estrelas principais...

Bella disse...

Comentário feito com lindas palavras Alan. Fez a borboleta voar até aqui na certeza de que encontraria lindas flores.
Um segundo pode mudar o mundo. E, como (também) já disse o mesmo Chico Buarque q falou das palavras: "Dura a vida alguns instantes, porém mais do que bastante, quando cada instante é sempre."
Pousarei aqui frequentemente.

Luciano Lemos disse...

É... realmente o tempo voa e os dias seguem mecanicamente...

Rogerio disse...

e dificl a gente teruma sicronia com as horas...sempre falta tempo...bom texto

JaCoNa disse...

Mtuuu legal, de verdade! Uma estrutura diferente.... demorei um poko p/ pegar o ritmo, mas qnd peguei sakei a logica....amei, de verdade! xD
Parabéns ;)

Avassaladoras Rio disse...

Querido amigo avassalador...
Falando serio, adorei mesmo foi o verso da sua apresentação... na sidebar.
Muito bom mesmo!Canditado a louco, quem pode saber...

bistrorivadavia disse...

Fantastico , muito bom cara, manda mt, ainda mais com essa foto com desing do 4 heehe

me visite

http://bistrorivadavia.wordpress.com/

C. disse...

é a capa do Los Hermanos no relogio?

www.casadobesouro.blogspot.com

Lalazinha disse...

Adorei o texto!
Eh neh fiz minha parte, se tds pelo menos falassem do assunto acho q ja seria um adianto pq mtos nem tocam no assunto pois acham besteira...

Mas e ai sera q a galera ficou 3.600 segundos sem acender a luz??

Beijoo ate segunda ;)

Natália disse...

gostei do blog,dos textos e principalmente das imagens q vc usa para ilustrar o que escreve..está de parabéns.
_________
www.atmosferasombria.org

Mayah. disse...

Opa, meu primeiro comentário por aqui.. Gostei bastante do blog. Ótimos textos! Esse dos segundos é perfeito \o/ Realmente, ninguém da muita importancia para eles, as pessoas só pensam nos gigante, nas horas, nos dias, nos meses... As pessoas se esquecem do básico, do que é simples!

Tenha um ótimo domingo.

Eu amo a E.Y. disse...

Como você disse, só prestamos atenção aos segundos na contagem regressiva do réveillon, ou então nos recordes olímpicos. Mas os minutos também não estão com essa bola toda.

Um abraço!

PS: Pensei mesmo em mandar a letra da música para ela, mas achei que o contexto não ajuda muito. Já estou bastante desesperançoso. mas valeu pela visita! Um grande abraço!

B!eL disse...

Companheiro encontrei seu blog por um acaso (ou não) na comunidade bloggers do orkut e eu adorei a maneira como escreve e consegue (com tamanha facilidade) organizar ideia e texto.

mateusbonez disse...

Perfeição em cada linha, eu particularmente, amei. O final foi profundo, adorei.

http://tiomah.blogspot.com/

KGeo disse...

quero ver alguém dizer as horas em relógios de segundos

Dário Souza disse...

Nunca tinha visto alguém falar tão bem dessa classe númerica,os segundos, a gente realmente não para pra perceber que eles existem.Cara meu comentário foi xulo, mas seu texto foi nota dez, quero voltar aqui e ver textos tao bons quanto esse.Abraço bom domingo

Suellen Nara disse...

Sua vida acaba a cada minuto. E até aquela fração de segundo faz diferença. Passado e futuro não existem. O que importa é o agora, por menor que ele seja.

Sobre o concurso de blogs, me inscrevi na categoria COTIDIANO não fui classificada por vários motivos. Enfim, isso não muda nada na minha vida.

Valeu.

Mayah. disse...

Olá, Alan. Obrigada pelo comentário, pela dica e pela força :)
Já segui sua sugestão e mudei a cor da fonte, realmente letras pequeninas e muito claras dificultam a leitura... Espero que agora esteja melhor.
Como já disse anteriormente, seu blog está ótimo! Parabéns e sucesso!

Tenha uma ótima noite.
Até outra hora.

bistrorivadavia disse...

Ô Alan, bora fazer parceria? Vou coloca seu link nos amigos do bistro, se puder me coloque ai, abraçoes

Jussara disse...

Alan,
Gostei muito de seu blog. Você escreve muito bem. Dá gosto de ler.
Parabéns!

Manúh =* disse...

texto intenso e interessante, os segundos são realmente inesplicaveis *-*

Tania Montandon disse...

Divertido e atual o texto, gostoso de ler!

beijo

Gisela Melloso disse...

Alan, obrigado pela visita viu?

Ver o um mnuto como 60 segundos nos faz ter noção de mais tempo, cada um tem seu tempo, cada um tem sua hora, seu coração e seu entendimento, mas todos em todos os lugares do mundo, passam pelo seugundo, e o vivem. O relógio da Vida passa, mas o que este relógio nos mostrou não passa não, e vc com certeza consegue mostrar isso no seu texto, pelo menos para mim!!

parabéns por escrever tão bem Alan!!

Forte abraço

Tchezar disse...

Nossa! Muito bom o que você escreveu!
Nunca tinha pensado assim!
Realmente, os segundo fazem a diferença, os segundo que nos dão os momento s mais marcantes, como aquele frio na barriga segundo antes do primeiro beijo, segundo antes da primeira medalha, segundos antes de ver seu filho nascer...

douglasfert disse...

Já comentei sobre este texto criativo e inteligente logo acima.

Aproveito então a oportunidade para indicar a leitura de um pequeno jogo-de-palavras-poemático que fiz em comemoração de minhas duas décadas já vividas.
É meio pobre, admito. O fato é que não me dou muito bem com este tipo de texto ",

abrsss

apanhadogeral disse...

adorei
e é verdade , nao contamos os segundos no dia-a-dia, mas ele está lá nas horas mais importantes e marcantes.
abraço

Dani disse...

lindo texto, vc escreve bem, tava olhando uns outros post's.
parabens!!

Jéssica Modinne disse...

Reclamamos tanto que não temos tempo... Talvez porque os segundos, atualmente, sejam medidos em minutos/horas; todo mundo esquece a diferença que eles fazem nos minutos e, consequentemente, nas horas.
Parabéns pelo blog, adoro os seus textos!

=)

Felipe Luz disse...

Put's meu, tuh escreve de um jeito muito bom...

Ultiliza as palavras com experessão e rima paixão.

Mais com sentido, afinal não está perdido.

Se escreveste essa destreza, o vestibular seria moleza. =P




http://luzeseuspensamentos.blogspot.com/

Tobias de Melo'' disse...

@_@

Muitos segundos para 'os segundos'.
Minha cabeça deu um nó.
Mas foi bem escrito.

"O pouco às vezes é muito"

:D~

Be disse...

Adorei o texto, lindo *.*!
Bem legal seu blog
parabens ^^

o'Ricci disse...

Bem musical a primeira parte. Não diria que é exatamente uma poesia, está mais para um elogio ao segundo. O que é bem mais difícil de fazer do que um mero poema.

Mary_Flor disse...

Hum..quero um relógio desses pra mim! Adorei o blog. Bjs

Mel Alcantara disse...

Lindo! Tudo lindo! VC é demais! Por essas e outras que tem um selo p vc no meu blog!!! =D

aki:
http://pesadelosdemel.blogspot.com/2009/03/indicacao-vale-pena-acompanhar-este.html

visitemongohelson disse...

Adorei o post. Muito lindo mesmo. ainda mais o seu relógio de segundos que é a capa do álbum "4" da banda Los Hermanos!!!!!!

E, quem sabe, em alguns segundos, eu jogo o meu emprego no McDonald's pro alto mesmo. Só vai ser foda arrumar outro em poucos segundos... hehehehehe! Parabéms pelo blog!

hisdream disse...

Meu, que texto lindo! Muito bom mesmo. Parabéns pelas belas palvras e pelo blog!
Muito bom ver um material de qualidade como o seu!

Abraços.

Celamar Maione disse...

É já diz a música que "quem sabe faz a hora não espera acontecer."
Somos escravos do tempo. Do relógio. Acho que se não existissem as horas, seríamos mais perdido do que já somos.
É por aí.
Vc sabe que o Literário mudou, né ?
Mas agora, além disso, resolvi fazer um blog com os meus contos do início do C-se que ninguém vê mais..já coloquei lá o primeiro.
Quando quiser é só dar uma olhada.
contosdeamoresangue.blogspot.com
Tô te esperando.
Beijão !

Cristiane Amorim disse...

Um dos melhores textos que já li sobre tempo...parabéns!
Beijo!

Manúh =* disse...

segundos são inexplicaveis *-*

eles voam \o/

Mariano, disse...

Olá moço, a frase esta em francês e significa: 'supero até coisas piores' :)

apareça mais vezes ;)
Um abraço Mariano.

Luiz DiCamile disse...

Em 2 palavras: Virginia Woolf.
Não sei se conheces,mas lembra muito os textos dela(não na mesma densidade)mas a construção é muito parecida e muito boa.
Gostei das antíteses e metáforas!Parabens pelo texto e ótimo blog.

Se der me visite:
http://omundodicamile.blogspot.com/http://radarneverland.blogspot.com/

Toddy disse...

vc escreve mto bem cara ^^
parabens pelo blog
o cara que criticou o meu portugues
auhauhauhauhauhauhauh
da uma passada la
http://t-crespi.blogspot.com
vlw

CG FILM PICTURES disse...

Muito bom o texto e gostoso de ler. Não cansa.
Beijinhos de
Rozangela Melo
Visite nosso site, fazemos cinema amador.
www.cgfilmpictures.blogspot.com

Diego Almeida disse...

parabens velho! textos muito bem bolados! show de bola mesmo!

The Extreme Downloads - Te Levando Ao Extremo!

http://theextremedownloads.blogspot.com/

Junior disse...

saokppaskopksoa
nossa esse relógio é 10

Letícia disse...

"O segundo é pouco pra tão muito, é o suficiente para o inesquecível."

Meu, você escreve muito bem ...
viajei aqui , Parabéns !

Aflaudisio Dantas disse...

vc escreve genialmente bem
gostei msm
descreveu com perefeição aflição do ser humano diante da irreutibilidade do tempo
visita o meu blog quem sabe podemos ser parceiros
abraço
http://aflaudisiodantas.zip.net/

tollen disse...

cara..adorei seu texto, com uma ritmica ótima!

Renatinha disse...

Ótimo texto.. Passarei a acompanhar este blog.. Vc postou um comentário em meu blog.. Dizendo q tenho bom gosto em ouvir Los Hermanos E O Teatro Mágico..diante disso, nota-se que Vc tbm possui esse bom Gostoo.. Definitivamente "Entrada Para Raros"..=)

Renatinha disse...

O meu blogg nem se compara ao seu.. Vc está sabendoo realmente aproveitar o espaço ... com coisas relevantes..
Bjuh =)

Ana Paula Moreira disse...

Ótimo texto. Adorei. Muito criativo e de leitura agradável. Parabéns!!!

Jê Assis disse...

Pow, que blog legal. Achei ele informativo e com um ar de obscuridade, mas mesmo assim ele é ótimo.
Sucesso.
Abraços.